Lições que você pode aprender com o filme Extraordinário

Ser “diferente” costuma ser complicado. Ainda mais em uma sociedade que não sabe lidar muito bem com isso. Porém, nem tudo está perdido. O filme Extraordinário chegou para mostrar que sim, é possível viver uma vida incrível mesmo se você não estiver de acordo com os padrões sociais.

Elegemos aqui as lições mais importantes que essa obra transmite e como podemos nos tornar pessoas melhores a partir delas. Quer saber quais são? Pegue a pipoca e o refrigerante, sente-se e venha conosco!

O enredo do filme Extraordinário

Baseado no best-seller da autora R. J. Palacio, Extraordinário conta a história de Auggie, um garoto de 10 anos que nasceu com uma doença rara que deformou seu rosto. Desde que se conhece por gente, o pequeno já se submeteu a 27 cirurgias para conseguir enxergar e respirar.

Tal condição o levou a passar todos esses anos estudando em casa e escondendo seu rosto com um capacete de astronauta. Até que tudo muda quando seus pais decidem colocá-lo em uma escola, fazendo com que ele viva novos desafios, aventuras e experiências.

Além disso, vale ressaltar que o enredo é contado por vários outros personagens. Essa técnica narrativa foi capaz de mostrar a importância da empatia na vida das pessoas. Afinal, cada indivíduo tem suas próprias batalhas e nenhum sofrimento pode ser considerado mais legítimo que o outro.

Ensinamentos que podemos absorver

Bem, não é de se espantar que um enredo maravilhoso como esse, além de entreter, consiga trazer vários ensinamentos valiosos. Sendo assim, que tal absorvermos alguns deles para as nossas vidas? Vamos conferir os três principais:

1. Valorize sua família e amigos

Auggie sempre pôde contar com sua família. Em nenhum momento seus pais e irmã deixaram de apoiá-lo e encorajá-lo a colocar a cara no mundo e se manter corajoso e otimista. Isso lhe deu força suficiente para enfrentar uma experiência um tanto assustadora como a escola e tirar o melhor proveito de toda a situação.

Por sinal, nosso menino constrói amizades fortíssimas e sinceras que o protegem das “crianças más” da classe e de outros lugares. Aliás, seus amigos o fazem se sentir querido e especial, encorajando-o a esquecer um pouco sua deformidade, deixar a timidez de lado e ser quem é de verdade.

Logo, procure sempre valorizar suas relações. Cultive-as bem para colher belos frutos mais tarde e, acredite, você nunca mais se sentirá sozinho ou desamparado.

2. Nunca subestime nem pratique o bullying

Infelizmente, desde pequeno, Auggie sempre sofreu xingamentos, maus olhares e brincadeiras cruéis de outras pessoas. Porém, graças ao apoio de seus amigos, família e professores, ele conseguiu passar por cima de tudo isso.

Acontece que nem todos têm a mesma estrutura e proteção que Auggie teve. Isso pode acarretar problemas sérios, como baixa autoestima e até depressão. Então, tome o filme Extraordinário e a história de seus personagens como lembrete para nunca subestimar nem praticar o bullying. Se não quer algo para você, não faça com os outros! 

3. Respeite as diferenças, seja gentil e exercite sua empatia

Lidar com as diferenças nem sempre é fácil, mas é preciso entender que essa prática nos torna pessoas mais tolerantes, inclusivas e gentis. Afinal, as singularidades de cada indivíduo são responsáveis por deixar nosso mundo ainda mais lindo e diverso.

Portanto, seja gentil com o próximo, abrace o “diferente” e, com isso, desenvolva ainda mais sua empatia. Pode apostar que, ao agir dessa maneira, suas relações se tornarão bem mais simples, maduras e prazerosas.

Viu como o filme Extraordinário consegue divertir, emocionar e, ao mesmo tempo, ensinar lições de vida valiosíssimas? Assista-o com sua família e amigos e sugira também ao seu professor que o passe para seus colegas. Assim, todos saem ganhando!

E então, tem algo a acrescentar? Identificou mais alguma lição que podemos tirar desse filme? Deixe seu comentário neste post para trocarmos várias figurinhas!

Compartilhar
1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *