Educação infantil. Saber escolher a escola faz uma enorme diferença.

Por anteceder o período do que se convencionou chamar de “Ensino Formal”, a Educação Infantil é, muitas vezes, relegada a um segundo plano de importância nos critérios de escolha por esta ou aquela escola.

Este “menor rigor” frequentemente observado não poderia ser mais enganoso, por se tratar de uma decisão crucial, com reflexos importantes nos vários ciclos vindouros de formação.

O fato é que a escola, na faixa etária de 2 a 5 anos, é algo que vai muito além do que o lugar onde se deixam as crianças para que os pais possam trabalhar. E não é nenhum exagero afirmar que o gosto do aluno pelo estudo e pelo aprendizado depende fundamentalmente desta etapa inicial.

A Educação Infantil colabora, e muito, para o desenvolvimento global da criança, nos pontos de vista motor, cognitivo, socioemocional e moral, e as experiências dessa fase exercem grande influência sobre a individualidade e o reconhecimento de seus próprios talentos e potenciais. Trata-se do primeiro contato com o mundo fora da família, onde se dá o convívio com outras crianças e a ampliação do conhecimento de si mesmo e dos que estão à sua volta.

Sabemos que as crianças que desenvolvem desde cedo suas habilidades em ambientes de interação e troca de experiências apresentam facilidades de comunicação e de trabalho em equipe, qualidades cada vez mais valorizadas pela sociedade contemporânea. Da mesma forma, a tolerância, a resiliência, a resistência à frustração, o respeito à diversidade, a consciência inclusiva e o desenvolvimento de linguagem são aspectos que têm na Educação Infantil o seu primeiro e fundamental impulso. Isso sem falar em valores como comportamento, regras, rotinas e senso de organização, igualmente despertadas nesta fase da vida escolar.

Quanto melhores forem as condições oferecidas pela escola nesta etapa, mais pleno o desenvolvimento nos ciclos subsequentes de ensino. Nesse sentido, a decisão pela escola A, B ou C faz toda a diferença – uma vez que os resultados obtidos em uma e outra serão também visivelmente diversos.

OUTROS PONTOS FUNDAMENTAIS A SEREM CONSIDERADOS

Os primeiros e principais cuidados para uma decisão acertada estão na avaliação da proposta pedagógica e na coleta de referências sobre a escola, o que pode ser feito principalmente conversando com pais cujos filhos estejam matriculados na instituição onde você pretende matricular a criança, por meio de buscas na internet e até mesmo em sites de defesa do consumidor.

Prefira instituições nas quais o Ensino Bilíngue seja ministrado desde a Educação Infantil. No Colégio Next, por exemplo, ele é parte da grade curricular desde o Maternal II.

Em se tratando de Educação Infantil, quanto mais área, melhor. Se ela for rodeada por muito verde e ar puro, como no Next, perfeito! Considere também aspectos como conforto, iluminação e ventilação, acesso seguro às instalações (em especial os procedimentos de entrada e saída), a competência dos professores/monitores/auxiliares, as condições de higiene e limpeza, a filosofia da escola e sua tradição na cidade.

Leve em conta ainda o cuidado que a escola tem com a alimentação oferecida. Por exemplo, se os lanches e outras refeições são balanceados e supervisionados por nutricionistas e se o cardápio é compatível com os hábitos alimentares que seu filho tem em casa.

É claro que as atividades desenvolvidas variam de escola para escola, de acordo com diferentes metodologias adotadas. Porém, algumas delas integram invariavelmente o currículo dos baixinhos: a alfabetização propriamente dita (leitura e escrita), raciocínio lógico e matemático,  desenhos, pinturas, colagens, música, canto e outras formas de expressão artística, além de contação de histórias. A ideia é sempre ampliar ao máximo o fazer cultural, a imaginação, a criatividade, as experiências emocionais, sensoriais e relacionais.

Se as brincadeiras, os jogos e a fantasia são inerentes ao universo da criança, isso tudo pode e deve estar a serviço do aprendizado e do crescimento. Dar a ela a capacidade de efetuar escolhas e assumir responsabilidades irão favorecer a confiança, a individualidade, a autoestima e a autonomia do futuro adulto.

Caso queira saber em detalhes como a nossa escola enxerga esta primeira e indispensável etapa de formação, teremos enorme prazer em receber você.

Fique à vontade pra compartilhar este post com seus amigos, e não deixe de se cadastrar pra receber notícias nossas. É só clicar aqui!

Fonte para elaboração do conteúdo: https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/educacao/a-importancia-da-educacao-infantil-para-o-desenvolvimento-global-da-crianca
Fonte para elaboração do conteúdo: https://novosalunos.com.br/entenda-a-importancia-da-escola-na-primeira-infancia-da-crianca

Compartilhar
0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.