A importância do duplo diploma (high school), quando e porque é necessário

O programa duplo diploma tem como objetivo unir os currículos brasileiros e americanos e é cada vez mais popular nos colégios de Ensino Médio em todo o Brasil.

O High School é uma excelente oportunidade de melhorar o nível acadêmico dos jovens, garantindo as melhores oportunidades em formação superior fora do Brasil, além da fluência em uma segunda língua. Além disso, a experiência pode ser concluída sem precisar ir a outro país. Para isso, basta estudar em uma escola que ofereça essa modalidade. Ficou interessado e quer saber mais sobre o assunto? Acompanhe!

Como funciona e quem é elegível?

O duplo diploma é uma iniciativa oferecida por algumas escolas a partir do 9º ano. Em paralelo ao Ensino Médio, o adolescente cursa o high school na própria escola. Ao término do Terceirão, o adolescente garante o diploma estrangeiro e o brasileiro.

Os critérios para participar do programa, quando realizado por meio da Efígie Educacional são:

  • o aluno deve estar cursando entre o 8º ano do Fundamental e o 3º do Ensino Médio;
  • o candidato deve ter nível intermediário na língua inglesa.

Ao ser inserido no programa, o aluno completa o High School por meio de um ambiente virtual – o famoso EAD – sem sair do Brasil. Tudo isso enquanto conclui o Ensino Médio simultaneamente.

Nesse contexto, instituições aptas a oferecer essa modalidade disponibilizam aulas virtuais com professores nativos estrangeiros que interagem constantemente com os alunos e potencializam o aprendizado da segunda língua e em disciplinas como História e Economia do país de origem da escola.

Por que é importante?

Matricular o seu filho em uma escola que oferece o duplo diploma traz diversos benefícios. Alguns são:

  • equipara o nível acadêmico com o de um aluno norte-americano, canadense ou europeu;
  • o diploma estrangeiro contribui para melhorar o posicionamento do adolescente como candidato ao mercado de trabalho no futuro;
  • garante a fluência no inglês;
  • o aluno pode disputar vagas em diversas universidades dos Estados Unidos, Canadá e da Europa sem a necessidade de passar pelos testes de proeficiência.

Qual a diferença entre diploma e certificado?

Ao termino de um curso, em qualquer nível, o estudante garante um documento comprovando que todas as etapas e requisitos foram cumpridos e assim pode evoluir em seus estudos. Este documento pode ser um certificado ou diploma.

Diferença entre diploma e certificado

Enquanto o diploma é um documento formal, reconhecido pelas entidades regulamentadoras educacionais e possui validade nacional e internacional, o certificado fica registrado na própria instituição e não necessita de regulamentação em um órgão específico.

No entanto, para garantir os benefícios expostos, é importante buscar por uma instituição de ensino que forneça o diploma – tanto nacional quanto internacional – ao término do Ensino Médio. Do contrário, se o seu filho quiser cursar uma faculdade no exterior, pode encontrar problemas com a validação do documento.

Perceba que o duplo diploma não é só uma maneira de concluir o Ensino Médio e garantir uma certificação extra ao aluno: é um investimento para o futuro acadêmico e profissional desse jovem.

O Colégio Next fez parceria com a Efígie para os alunos terem um diploma de high school americano. Conheça nossos diferenciais.

Compartilhar
0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.