Higiene escolar no inverno é assunto sério! Saiba como prevenir doenças

Basta as temperaturas começarem a cair que, buscando proteger os pequenos do frio, as janelas e portas das salas de aula ficam fechadas a maior parte do tempo. Com a chegada do frio, no entanto, o número de crianças enfermas tende a ficar ainda maior, e aumenta a preocupação com a higiene escolar no inverno.

Para manter todos saudáveis, listamos aqui 5 medidas preventivas que ajudarão a diminuir exponencialmente as doenças transmitidas pelo ar. O melhor é que elas podem ser aplicadas tanto em casa quanto na escola.

Continue a leitura e veja como garantir que a turma aproveite ao máximo essa estação!

Mantenha as crianças enfermas em casa

A maior parte das doenças que afetam os pequenos nessa época do ano são causadas por vírus, que se espalham no ar por meio da tosse, espirro ou são transmitidas pela saliva. Com isso, o risco de uma criança propagar as enfermidades para outros alunos é maior.

A melhor maneira de evitar o contágio é mantendo o enfermo em casa até que ele melhore. Isso também ajudará a acabar com o ciclo das doenças. Afinal, seu filho pode estar doente hoje, melhorar em pouco dias e voltar a ficar doente devido à outras crianças que apresentam os mesmos sintomas.

Além disso, nós sabemos que durante os primeiros dias a criança tende a ficar mais debilitada por causa da febre e do mal-estar, mantê-la confortável é essencial para sua plena recuperação.

Estimule hábitos de higiene

Na hora de fazer seu filho manter hábitos de higiene, é preciso usar a imaginação e a criatividade. Por isso, aproveite dos livros infantis que abordam o tema por meio de ilustrações e imagens, vídeos e desenhos que foquem na saúde das crianças e também abuse dos aplicativos.

Já existem no mercado diversas opções de auxílio para os papais que querem manter a higiene dos pequenos e fazê-los entender o quão importante é lavar as mãos depois de usar o banheiro, brincar na rua ou até mesmo de espirrar.

Mantenha o ambiente ventilado

Nada de fechar portas e janelas o dia inteiro. O ideal é que você as mantenha pelos menos 3 horas abertas e pode ser em intervalos menores. Por exemplo, abrir 3 vezes as janelas e mantê-las assim 1 hora de cada vez. Essa dica te ajudará a manter o ambiente ventilado.

A melhor coisa para manter seu filho aquecido é usar a quantidade de roupas necessárias, seja em camadas ou peças mais pesadas.

Estimule a hidratação

Com o frio chega também o tempo seco e os problemas respiratórios, além da tosse, mal-estar e garganta seca. Para ajudar seu filho a acabar com essa dificuldade, e ainda manter o organismo funcionando de maneira correta, é preciso investir na hidratação.

Para isso, aposte em sucos naturais, água mineral e água de coco. Você pode criar uma espécie de jogo, no qual ganha quem consumir mais líquido ou investir em copos e garrafinhas do personagem preferido. Só não esqueça de frisar a importância da hidratação de maneira bem lúdica.

Aprenda com seus filhos

A escola tem papel fundamental no amadurecimento das crianças. Por isso, costumamos ensinar hábitos de higiene e prevenção de forma divertida, com peças de teatro para os alunos. Sempre incentivando que eles levem o que aprenderam para os pais, avós e amigos!

No entanto, nem todos os pais conseguem entender o que os pequenos estão dizendo depois que chegam da escola cheios de ideias. O ideal é que você sente com seu filho, escute o que ele tem para te falar e mantenha os ensinamentos da escola dentro de casa. Assim, você preserva o trabalho realizado pelo educador e reforça a importância de hábitos simples como lavar as mãos, escovar os dentes, assoar o nariz, entre outros.

Gostou das nossas dicas? Conhece outras práticas que podem ajudar a manter as crianças ainda mais saudáveis em dias frios? Conte pra gente aqui nos comentários e contribua para cuidar da higiene escolar no inverno!

Compartilhar
0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.