Enem adiado. Alívio ou frustração?

0
Dicas  |  Next 2 You

– Ai não… e agora???

– Ufa, ainda bem!

Aí estão duas reações típicas de quem estava se preparando para o ENEM e se deparou com a notícia do adiamento do exame.

Por determinação do MEC, as provas que aconteceriam em novembro próximo foram adiadas para os dias 17 e 24 de janeiro de 2021. Já a versão digital ficou marcada para 31 de janeiro e 7 de fevereiro, e a reaplicação acontecerá em 24 e 25 de fevereiro – com resultados a partir de 29 de março.

Para muitos, uma excelente notícia. Para outros, nem tanto. Esta diferença de opiniões se justifica quando analisamos os prós e contras da medida.

O fator coronavírus “bagunçou o coreto” em duas frentes: afetando a preparação adequada dos alunos e a própria realização segura do exame, que exigirá extremo rigor sanitário nas salas onde será aplicado. Sem falar na necessidade de alocação de mais salas, em razão do distanciamento entre a carteira de um candidato e outro.

PRÓS

. Em maior ou menor escala, a pandemia alterou a rotina dos alunos e os processos pedagógicos, fundamentados no formato presencial.

É fato que milhões de candidatos não possuem acesso à internet e seriam, assim, prejudicados no exame por não usufruirem ou participarem precariamente das aulas remotas. O adiamento, no caso, seria uma questão de justiça junto a este público, que terá ao menos a chance de “correr” para tentar assimilar mais conteúdo. 

. Alunos mais privilegiados, com acesso às aulas remotas via internet de alta velocidade, também se beneficiam por ganharem um “tempo extra” para revisar a matéria. Algumas escolas poderão, inclusive, estimular seus professores a abordarem conteúdos não costumeiramente exigidos no ENEM, o que é um diferencial competitivo.

CONTRAS

. O adiamento do ENEM poderá conflitar com os exames vestibulares de diversas Universidades públicas e privadas, o que é um ponto desfavorável. Assim, muitas Universidades serão forçadas a alterar as datas de seus exames.

. É impossível garantir que, nas novas datas estabelecidas, a questão do distanciamento social esteja solucionada ou melhor resolvida do que está hoje.

. A quebra de expectativa é também um fator negativo. O aluno trabalhava em sua cabeça com uma data determinada para o exame, e o reagendamento tende a aumentar a ansiedade dos candidatos, estejam eles bem ou mal preparados.

Considerando prós e contras, uma coisa é certa: o melhor é manter a confiança, o equilíbrio emocional e a tranquilidade no ambiente doméstico de estudo. Procurando, a despeito de todos os desafios vivenciados neste ano, se preparar ao máximo para realizar uma boa prova!

Fique à vontade pra compartilhar este post com seus amigos, e não deixe de se cadastrar pra receber notícias nossas. É só clicar aqui!

Fontes para elaboração do conteúdo:

https://g1.globo.com/educacao/enem/2016/noticia/veja-as-vantagens-e-desvantagens-do-adiamento-do-enem-2016.ghtml

https://educacao.uol.com.br/noticias/2020/07/08/nova-data-do-enem-2020.htm

https://guiadoestudante.abril.com.br/enem/o-que-significa-na-pratica-o-adiamento-do-enem-de-30-a-60-dias/

Compartilhar
0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.